Terça-feira, 20 de Maio de 2008

Moda Chinesa

 

Moda Chinesa

Definitivamente, a China não é um centro de moda nem tao pouco dita tendências, mas já é responsável por uma considerável percentagem de produção e serve como motor para conduzir a tão movimentada industria fashion mundial. Vestir um pais de tamanha proporção é um grande desafio, dessa forma, sem se despir, a China disponibiliza a sua mão de obra barata para terceirizar a produção internacional, não só de vestuário.

 



 

 

Giordano, apesar de soar ser uma marca italiana é, na verdade, uma empresa criada por um empresário de Hong Kong em 1983, com o intuito de oferecer roupas coloridas e confortáveis, com preços baixos. Hoje, a empresa é a maior e mais conhecida marca de roupas da Ásia.

Para se ter uma idéia, a "Gap Chinesa" como é apelidada (numa comparação com a marca norte-americana de roupas informais) tem como visão "ser a melhor e a maior marca de vestuário do mundo". Pelo menos três empresas estão em briga para adquirir parte da Giordano: a Esprit (de Hong Kong), o grupo espanhol Inditex (proprietário de marcas como a Zara, Massimo Dutti e Bershka) e a japonesa Fast Retailing (que detém a marca Uniqlo).

 

publicado por asiapacifico às 09:59
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Jogos de Pequim

. SONS DO ORIENTE

. Caça á baleia no Japão

. Matéria para o Exame Naci...

. Principais caracteristica...

. Terramoto

. Moda Chinesa

. Economia na China

. Culinária Chinesa

. A Muralha da China

.arquivos

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds